Nilópolis Online
Notícias de Nilópolis todo dia

Desrespeito aos pontos de parada de ônibus complica o trânsito em Nilópolis

Receba as matérias da sua cidade em primeira mão no seu smartphone ou tablet. WhatsApp CLIQUE AQUI ou Telegram CLIQUE AQUI

GETULIO VARGAS
Os ônibus param e engarrafam o trânsito. Foto: João Lellis

Ruim para quem está de carro. “Atrapalha muito, pára tudo aqui por causa dos ônibus”, reclama um motorista.

Perigoso para quem está a pé e precisa pegar a condução. “Às vezes você faz sinal aqui e eles param lá embaixo. Às vezes eles param no meio da rua”, conta uma passageira.

É isso o que acontece em alguns pontos de ônibus em Nilópolis. Na Rua Getúlio de Moura, em Olinda, confusão no trânsito. Os veículos param de qualquer jeito e em qualquer lugar. Os passageiros saltam e embarcam no meio da rua.

O recuo para que os ônibus entrem e não atrapalhem os outros carros existe. Mesmo assim, em alguns momentos, eles ocupam até duas pistas da rua.

A mesma bagunça encontramos na Rua Getúlio Vargas, no Centro. A placa, sinalizando a parada está lá, mas muitos motoristas param fora dela. Próximo ao calçadão, a fila de ônibus vai se formando e o trânsito, que já é complicado, fica ainda pior.

Na Rua Alberto Teixeira da Cunha, Centro, uma rua muito movimentada, um problema sério chama a atenção: o ponto de ônibus fica muito perto do sinal de trânsito. Neste local, há um grande risco de acontecerem atropelamentos, porque as pessoas desembarcam dos ônibus no ponto, que não tem nenhum recuo, não há tempo de parar, querem aproveitar o sinal que está aberto e aí outro ônibus ou veículo que está cruzando por trás ou vindo na mão contrária pode pegar e causar acidente.

Nesta rua como em outras se vê a falta de infra-estrutura, associada ao desrespeito às leis de trânsito. Motoristas param em cima da faixa de pedestres e, mais uma vez, no meio da rua, o passageiro se arrisca. O trânsito pára. “Acho que deveria haver uma fiscalização que fizesse com que essa coisa fosse feita de maneira ordenada”, acredita um homem.

O trânsito não ajuda, as condições de parada no ponto são difíceis, mas isso não tira a responsabilidade do motorista de levar com segurança – e deixar com segurança – os passageiros.

Esta matéria foi uma sugestão do leitor Marcus Azevedo, de Olinda. Tem uma sugestão para nós? Envie para nilopolisonline@nilopolisonline.com .

você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Nós garantimos que está tudo certo com isso, mas você pode não desejar isso. Aceitar Saiba Mais