Nilópolis Online
Notícias de Nilópolis todo dia

Prefeitura inicia ações para solucionar o problema dos animais abandonados

Receba as matérias da sua cidade em primeira mão no seu smartphone ou tablet. WhatsApp CLIQUE AQUI ou Telegram CLIQUE AQUI

BANNER_ANIMAISNo último dia 11 de junho, o Prefeito de Nilópolis Alessandro Calazans esteve reunido com membros da sociedade civil para buscar novas ideias para cuidar dos animais abandonados nas ruas da cidade.

O objetivo da reunião foi convocar moradores, ativistas e participantes que defendam esta causa. Calazans comentou que, antes de tomar qualquer decisão, é importante estar reunido com as pessoas e instituições competentes no assunto para que sejam tomadas as resoluções baseadas na opinião de quem realmente entende do fato.

Durante a reunião foram discutidas várias situações: cães no abrigo de Cabuçu, em Nova Iguaçu; na Capela São Matheus; nas três residências que abrigam cerca de 60 a 70 cães; e os animais abandonados nas ruas de Nilópolis.

Outro assunto que já foi aprovado e muito aplaudido pelos presentes foi a proibição da Cordectomia e a punição dos que causam maus tratos aos animais que já se tornaram lei Municipal, através de projeto do Vereador Rodrigo Rocha. “Essa lei já existe no âmbito Federal, com reclusão de 1 a 3 anos de prisão. E quando você traz isso para o município é de extrema importância”, disse a subsecretária de Meio Ambiente, Camila Lara.

Será feito um material publicitário e colocado nas mídias do município com a lei Federal e com a nova lei Municipal, avisando a população sobre as penas que serão impostas aos que maltratam os animais.

A situação dos animais encontrados na Capela São Matheus preocupa o prefeito. “A Capela foi fundada em 1637 e guarda a história de Nilópolis. Como prefeito, tenho a obrigação de resgatar nossa história. Existe um projeto para a reforma do local e não podemos perder”, disse Calazans.

As três responsáveis pelos cães da Capela já foram levadas para conhecer o terreno onde será construído o novo abrigo, acompanhadas do Procurador Geral, Dr. Júlio Alonso.

Até 2012, muitos animais que ficavam no local e foram retirados de forma indevida. Os que restaram poderão ser levados para o abrigo de Cabuçu, onde os cães recebem visita semanal da veterinária Márcia Gargano, da Secretaria do Meio Ambiente de Nilópolis.

Uma das soluções propostas foi a realização de uma Feirinha de Adoção, que vai acontecer no Shopping Nilópolis Square, no Calçadão da Mirandela e no Gericinó, em datas que ainda serão definidas.

O prefeito Alessandro Calazans determinou que seja montada uma comissão para a criação do Conselho dos Direitos dos Animais. O vereador Rodrigo Rocha se comprometeu em auxiliar no que for necessário na Câmara Municipal de Nilópolis. “Vamos sair na frente e ser o primeiro município a ter esse Conselho na Baixada Fluminense”, disse Calazans.

Outra medida definida foi a criação de um mutirão para realizar a castração dos animais em estado de abandono. A prefeitura se comprometeu em arrumar um local, doar todo o material necessário e colocar a equipe de veterinários à disposição. Em principio serão feitas a castração de 300 a 400 cães dos abrigos e residências.

Fonte: Imprensa Fluminense
você pode gostar também
Comentários
Carregando...