Saúde

Nilópolis alerta para necessidade de atualizar carteira de vacinação

VACINAÇÃO
Foto: Divulgação

A vacinação é uma medida importante para que a população se mantenha saudável. A Secretaria de Saúde de Nilópolis apela para que a população mantenha a carteira de vacinação permanentemente atualizada, principalmente devido ao alerta da Secretaria de Saúde do Estado da possibilidade de reintrodução do sarampo no Rio de Janeiro.

A medida foi tomada após ter sido registrado um caso de sarampo durante os Jogos Estaduais Estudantis Jurídicos, realizados em junho, em Petrópolis, na Região Serrana.

“É muito importante que a população tenha a consciência da importância de atualizar as vacinas, como tétano, hepatite e a Tríplice viral (sarampo, rubéola e caxumba). Essas são vacinas de rotina, mas muita gente está com carteira desatualizada e precisa se atentar a isso. Todos as nossas unidades de saúde contam com profissionais capacitados para orientar e aplicar as vacinas. É importante que a população esteja atenta e procure a unidade mais próxima para se vacinar. ”, frisou o secretário de Saúde, Dr. Kiraz Constantine Karraz.

O sarampo é uma doença infecciosa aguda, viral, transmissível, extremamente contagiosa e muito comum na infância. Os sintomas iniciais são: febre acompanhada de tosse persistente, irritação ocular e coriza. Após estes sintomas, geralmente há o aparecimento de manchas avermelhadas pelo corpo.

Segundo a Secretaria de Saúde, a transmissão ocorre diretamente, de pessoa a pessoa, geralmente por tosse, espirros, fala ou respiração, por isso a facilidade de contágio da doença.

“É uma orientação como forma preventiva para que o Estado não registre mais casos da doença. Quem ainda não se vacinou, orientamos que atualize o cartão de vacina não somente contra o sarampo, mas também quanto as demais doenças em que são oferecidas as doses pelo SUS”, ressaltou o subsecretário de Saúde, Franklin Monteiro.

Os principais grupos de risco para o sarampo são as pessoas de um a 49 anos de idade. Entre um e 29 anos são duas doses da vacina. Dentre os adultos, os trabalhadores de portos e aeroportos, hotelaria e profissionais do sexo apresentam maiores chances de contrair a doença, devido à maior exposição a indivíduos de outros países que não adotam a mesma política intensiva de controle da doença.

Atendimento

Para atualizar a caderneta de vacinação basta comparecer a um dos postos de saúde localizados em Nilópolis. Confira abaixo os endereços:

Policlínica Municipal Dr. Jorge David

Rua Senador Fernando Mendes, s/n, Centro

Posto de Saúde Antônio Albuquerque Machado

Endereço: Rua Dr. Mário Valadares, s/nº, Novo Horizonte.

Posto Médico Sanitário Nova Olinda

Endereço: Rua Amadeu Lara, s/nº, Olinda.

Posto de Atendimento Médico e Sanitário Doutor Jacob Sessim

Endereço: Rua Rondon Gonçalves, s/nº, Cabral.

Posto De Saúde Dr. Armando Augusto Almeida

Endereço: Rua Marques Canário, 940, Nossa Senhora de Fátima.

Posto de Saúde Dorvil Almeida Lacerda

Endereço: Rua José Couto Guimarães, 1299, Paiol

Leitores Online

18 Leitores visualizando esta matéria

Publicidade

  • bannerradio2.jpg

Publicidade