Nilópolis Online
Notícias de Nilópolis todo dia

Dia Nacional de Combate ao Fumo foi lembrado com atividade no Centro

Receba as matérias da sua cidade em primeira mão no seu smartphone ou tablet. WhatsApp CLIQUE AQUI ou Telegram CLIQUE AQUI

A Prefeitura de Nilópolis, através da Secretaria Municipal de Saúde, realizou nesta quarta-feira (29), na Praça Vereador Orlando Hungria, no Centro, uma ação de conscientização e distribuição de material informativo e educativo em alusão ao Dia Nacional de Combate ao Fumo.

Sob o tema “Tabaco e Doenças Cardíacas”, para provar que o cigarro é um dos maiores inimigos da saúde, técnicos do Programa Controle do Tabagismo ofereceram à população informações sobre os males causados pelo fumo. Tanto o secretário de Saúde, Dr. Kiraz Constantine Karraz, quanto o superintendente dos Programas de Saúde, Uilen Barbosa, fizeram questão de estar presente e levaram orientações aos munícipes.

Este slideshow necessita de JavaScript.

“Entendemos que só teremos sucesso em diminuir a incidência e a mortalidade por câncer e por outras doenças se educarmos a população para os fatores de riscos dessas doenças e o tabagismo é o principal vilão”, explicou o secretário de Saúde, Dr. Kiraz Constantine Karraz.

“São mais de quatro mil substâncias tóxicas que não só o fumante, mas as pessoas que estão do lado dele aspiram e muitas se tornam dependentes por causa dos efeitos da nicotina. Vamos continuar a investir em ações como essa, que levem informação de qualidade à população”, destacou o superintendente dos Programas de Saúde, Uilen Barbosa.

No evento também estiveram presentes os programas de Assistência Integral à Saúde da Mulher, Criança e Adolescente (Paismca) e o de Hipertensão e Diabetes (Hiperdia), que ofereceram medição do nível de glicemia, aferição de pressão arterial e vacinação contra a Febre Amarela e H1N1.

O dia 29 de agosto – Dia Nacional de Combate ao Fumo – foi criado em 1986 pela Lei Federal nº 7.488 e tem como objetivo reforçar as ações nacionais de sensibilização e mobilização da população brasileira para os danos sociais, econômicos e ambientais causados pelo tabaco. Essa foi a primeira legislação em âmbito federal relacionada à regulamentação do tabagismo do Brasil. Inaugurou-se, de forma ainda tímida, a normatização voltada para o controle do tabagismo como problema de saúde coletiva

O programa

O Programa Municipal de Controle do Tabagismo visa à prevenção de doenças na população através de ações que estimulem a adoção de comportamentos e estilos de vida saudáveis e que contribuam para a redução da incidência e mortalidade por câncer e outras doenças relacionadas ao fumo. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS) o número de fumantes no mundo é de cerca de 1,1 bilhão de pessoas. E, no último século, o tabaco foi o responsável pela morte de 100 milhões de pessoas.

Denise Costa da Silva, 42, é uma das assistidas pelo programa. “Fumava desde os 13 anos e depois que comecei a frequentar as sessões do programa, comecei a diminuir a quantidade de cigarros que fumava e já estou há três meses sem fumar. Sozinha eu não estava conseguindo, o programa me ajudou muito foi o que me levantou, melhorando a minha autoestima”, disse.

O Programa Municipal de Controle do Tabagismo realiza sessões em que são dadas orientações baseadas na redução gradativa do uso do cigarro a cada semana. Por isso é importante que o paciente continue a frequentar as sessões.
Para se inscrever no programa basta comparecer ao Posto de Saúde Central, localizado na Rua João Pessoa, 1530, Centro.

você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Nós garantimos que está tudo certo com isso, mas você pode não desejar isso. Aceitar Saiba Mais