Geral

Celso Gonçalves é reeleito presidente da OAB Nilópolis

Celso Gonçalves é reeleito presidente da OAB Nilópolis
Foto: A Voz dos Municípios Fluminenses

O atual presidente da 24ª Subseção da OAB (Nilópolis), Celso Gonçalves, foi reeleito na última quarta-feira. Os advogados nilopolitanos o escolheram na para continuar no comando pelos próximos três anos. Para a presidência da seccional, foi eleito Luciano Bandeira, que contava com o apoio do atual presidente Felipe Santa Cruz.

Desde cedo a movimentação foi grande na Rua Tancredo Lopes, onde fica a sede da subseção nilopolitana, que mesmo estando em obras, foi o local de votação. Candidatos e simpatizantes das duas chapas concorrentes montaram tendas e tentavam convencer os advogados que chegavam para votar.

A consagração de Celso Gonçalves foi divulgada por volta das 18h30. Ele foi eleito com 352 votos, contra 145 votos da chapa encabeçada por Eliana Braz dos Santos. A chapa vencedora, Chapa 1, “Avante Prerrogrativas. Vamos que vamos”, é composta ainda pela vice-presidente Mária de Fátima Pfaltzgraff; pelo secretário geral Anderson da Silva; secretário adjunto Rosenildo Leandro de Oliveira; e tesoureiro Edinaldo de Barros. Ainda foram computados cinco votos em branco e 11 votos nulos.

Em frente a subseção, o presidente reeleito agradeceu o apoio de todos e foi muito parabenizado. Segundo Celso Gonçalves, o resultado coroou o trabalho de toda uma diretoria nos últimos três anos. “Agradeço primeiramente a Nosso Senhor Jesus Cristo, a minha esposa Alessandra, meus filhos Thiago, Gustavo e Raíssa, a todos os diretores e presidentes de comissões. Foi a vitória da advocacia nilopolitana. Foi uma campanha em que me desgastei muito, vendo advogados sem nenhum comprometimento com a advogacia nilopolitana vindo formar chapa. Mas o resultado está aí. Estou mostrando quem era o despreparado para presidir a OAB, fui eleito e reeleito”, disse.

Celso Gonçalves fez ainda questão de ressaltar vários nomes que deram contribuições fundamentais para sua vitória entre outros: Fernando Santa Cruz, Luciano Bandeira, Fabio Nogueira, Ricardo Menezes, Aberlado Tenório, Marisa Galdio, Carlos André, Almir Perez, Juarez Nascimento, Ernane de Azevedo, Taffarel, Rodrigo Perez, Bruno Cabral, Fred Mendes, Dione Reis, Elenilde Leão, Eunice Freitas, Paulo César, Jorge Fer-nandes, Vallor Fernando, Márcia Barbosa, Aline Aguair, Wallace Ferreira, Fernando Fialho e Wanilda e Jorge Ney Hungria

SECCIONAL – Com o apoio do atual presidente Felipe Santa Cruz, Luciano Bandeira foi eleito para comandar a Ordem dos Advogados do Brasil do Rio (OAB-RJ) no mesmo dia. Em fevereiro será a vez de Santa Cruz, que está afastado da entidade por causa da eleição, concorrer para o Conselho Nacional, como candidato em chapa única.

Seis chapas disputaram a eleição, a OAB Forte e Unida, liderada pelo tesoureiro da atual administração e presidente da Comissão de Prerrogativas, Luciano Bandeira, foi a vencedora.

Leitores Online

19 Leitores visualizando esta matéria

Publicidade

Publicidade