Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
Centro Saúde

Prefeitura de Nilópolis inicia o combate ao mosquito Aedes Aegypti

Prefeitura de Nilópolis inicia o combate ao mosquito Aedes Aegypti 4
Adicione nosso número de WhatsApp: +55 (21) 98946-3738 e envie uma mensagem com o texto "NILÓPOLIS" e receba, com exclusividade, as matérias da sua cidade em primeira mão no seu smartphone ou tablet.

Adicione nosso número de WhatsApp: +55 (21) 98946-3738 e envie sugestões direto para a redação.

Na manhã desta quinta-feira (20), a Prefeitura de Nilópolis, por meio da Secretaria de Saúde, realizou na Praça Prefeito Miguel Abrão, no Centro, a abertura da campanha “Verão sem Mosquito”.

Durante o evento que contou com a participação do secretário e subsecretário de Saúde, Dr. Kiraz Karraz e Uilen Barbosa da Silva Jr, respectivamente, foram realizadas ações educativas e distribuição de materiais informativos a população, além das visitas domiciliares para a verificação de possíveis criadouros e orientações ao moradores nas adjacências da praça.

Prefeitura de Nilópolis inicia o combate ao mosquito Aedes Aegypti 5

“O verão se inicia nesta sexta-feira (21) e com ele também vem a preocupação com o mosquito Aedes Aegypti, pois este é o período propício para facilitar a eclosão dos ovos. Desta forma estamos promovendo hoje o “Dia D”, para marcar o início do nosso plano municipal de combate. Quero destacar que é importante a participação da população nessa guerra. Convoco aos moradores que percam pelo menos dez minutos e façam uma vistoria em suas residências em busca de focos”, disse o secretário de Saúde, Dr. Kiraz Karraz.

Cabe ressaltar que o trabalho de combate ao mosquito Aedes Aegypti é realizado pela Secretaria Municipal de Saúde durante o ano inteiro. As visitas são domiciliares são feitas diariamente e cada residência recebe a visita de um agente de saúde a cada três meses. “Durante o verão vamos reduzir o intervalo entre as visitas intensificando o controle em todo o município”, concluiu o secretário Kiraz.

Para o prefeito Farid Abrão apesar de a grande maioria da população ter conhecimento sobre os hábitos do mosquito e métodos de combate, os mosquitos continuam encontrando lugar para se reproduzir dentro das residências. “Esperamos que cada munícipe, individualmente, ou na sua rede de atuação, se perceba parte integrante e se conscientize da importância de ajudar a combater essa doença, que faz tantas vítimas todos os anos, principalmente com a chegada do verão”, conclamou o prefeito.

A Secretaria de Saúde colocou a disposição o Disque-Saúde, onde a população pode estar informando pontos onde hajam focos ou pontos de proliferação do mosquito. O contato pode ser feito através do telefone 3039-5063, ou através da Ouvidoria Municipal, através do endereço eletrônico http://nilopolis.rj.gov.br/site/ouvidoria/ .

Prefeitura de Nilópolis inicia o combate ao mosquito Aedes Aegypti 6

Como combater o mosquito Aedes aegypti

O mosquito Aedes Aegypti é vetor de doenças como dengue, febre amarela, chikungunya e zika virus. As principais dicas para evitar que o mosquito se prolifere e contamine mais pessoas são:

– Deixe sempre bem tampados e lave com bucha e sabão as paredes internas de caixas d’água, poços, tambores de água ou tonéis, jarras e filtros;

– Não deixe acumular água em pratos de vasos de plantas e xaxins. Coloque areia fina até a borda do pratinho;

– Plantas que possam acumular água devem ser tratadas com água sanitária na proporção de uma colher de sopa para um litro de água, regando no mínimo, duas vezes por semana. Tire sempre a água acumulada nas folhas;

– Não junte vasilhas e utensílios que possam acumular água (tampinha de garrafa, casca de ovo, latinha, embalagem plástica e de vidro, copo descartável etc.) e guarde garrafas vazias de cabeça para baixo;

– Pneus velhos caso precisem, manter em local coberto;

– Deixe a tampa do vaso sanitário sempre fechado. Em banheiros pouco usados, dê descarga pelo menos uma vez por semana;

– Retire sempre a água acumulada da bandeja externa da geladeira e lave com água e sabão;

– Lave e troque a água dos bebedouros de aves e animais no mínimo uma vez por semana;

– Limpe frequentemente as calhas e a laje das casas, coloque areia nos cacos de vidro no muro que possam acumular água;

– Mantenha o quintal limpo, recolhendo o lixo e detritos em volta das casas, limpando os latões e mantendo as lixeiras tampadas. Não jogue lixo em terrenos baldios, construções e praças. Chame a limpeza urbana quando necessário;

– Permita sempre o acesso dos Agente da Vigilância Ambiental em sua residência ou estabelecimento comercial;

Publicidade