Nilópolis Online
Notícias de Nilópolis todo dia

Tragédia em Nilópolis: vidas se perdem por causa de um celular

Receba as matérias da sua cidade em primeira mão no seu smartphone ou tablet. WhatsApp CLIQUE AQUI ou Telegram CLIQUE AQUI

Quanto vale a vida ? Com certeza a maioria vai responder que não tem preço, porém na manhã desta sexta-feira (28) pelo menos quatro pessoas morreram após um acidente causado por conta do roubo de um celular em Nilópolis.

A tragédia começou a se desenhar quando dois homens em uma motocicleta renderam e roubaram um celular de um homem e sua esposa que estavam saindo de casa. Após o crime, a vítima, inconformada, decidiu perseguir a dupla em alta velocidade até bater na motocicleta onde estava os homens na Rua Antônio Félix na altura da Rua Antônio João Mendonça, bairro Manoel Reis.

Com essa atitude, o que seria mais um caso de insegurança pública se tornou uma fatalidade para pessoas inocentes. O caso mais chocante foi de uma jovem de 19 anos, que havia saído de uma academia em sua moto, e foi atingida por uma dos veículos e arremessada metros a frente junto com os dois supostos assaltantes. Além disso, um outro carro, Chevrolet Ônix, onde estavam duas pessoas acabou, batendo na traseira de um ônibus da empresa Nilopolitana, que fazia a linha 002 (Manoel Reis x Rodoviária).

Vitória tinha apenas 19 anos. Foto: Reprodução da Internet

Ao todo três pessoas ficaram feridas e quatro morreram. Vitória Rodrigues, 19 anos, foi atingida e arremessada por pelo menos 15 metros de distância. A estudante estava saindo da academia em sua moto quando a mesma foi atingida por um dos veículos. Ela ainda chegou a ser socorrida mas morreu quando estava a caminho do Hospital Municipal Juscelino Kubitschek, no Centro.

Valério morreu após tentar recuperar o celular. Foto: Reprodução da Internet

O motorista, Valério Dias, 56 anos, que estava no CrossFox e decidiu perseguir os bandidos também não resistiu. Sua esposa, Zeni Dias, 55 anos, que estava no carona, ficou presa às ferragens e quebrou um dos braços, ela foi levada para o Hospital Geral de Nova Iguaçu e encontra-se em observação.

Os dois bandidos também morreram, sendo um deles na hora e o outro mesmo socorrido não resistiu aos ferimentos. Um outro casal que estava no Chevrolet Ônix, sofreu ferimentos leves e encontram-se bem.

Esse caso levanta uma questão antiga sobre qual postura um cidadão deve ter durante e após um assalto. Especialistas recomendam nunca reagir ou tentar algo contra o criminoso porque infelizmente os riscos são enormes para todas as pessoas, inclusive aquelas que estão à volta.

você pode gostar também
Comentários
Carregando...