Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
Carnaval

Beija-Flor de Nilópolis tem a segunda pior colocação da história

BEIJA-FLOR 2019
Foto: Reprodução da Internet
Adicione nosso número de WhatsApp: +55 (21) 98946-3738 e envie uma mensagem com o texto "NILÓPOLIS" e receba, com exclusividade, as matérias da sua cidade em primeira mão no seu smartphone ou tablet.

Adicione nosso número de WhatsApp: +55 (21) 98946-3738 e envie uma mensagem com o texto "NILÓPOLIS" e receba, com exclusividade, as matérias da sua cidade em primeira mão no seu smartphone ou tablet.

Conhecida como a Deusa da Passarela, a Beija-Flor de Nilópolis não voou alto no desfile em que homenageou a própria história. A escola de Nilópolis teve somente 267,60 pontos e ficou em 11º lugar, uma das piores colocações em seus 70 anos.

O fiasco na Avenida coincide com o primeiro desfile após a saída de Laíla, que se desentendeu com a diretoria e foi para a comissão de carnavalescos da Unidos da Tijuca. A Azul e Amarela da Zona Norte terminou em sétimo. O puxador da Azul e Branca, Neguinho da Beija-Flor, comentou o resultado.

“É assim mesmo. Tá bom. São coisas do Carnaval, uma hora tem que acontecer”, lamentou Neguinho. Perguntado se Laíla, ex-diretor de Carnaval da Beija-Flor e atual Unidos da Tijuca, fez falta, o intérprete é enfático: “Ele também não veio nas campeãs. O que pesou foi a dificuldade em si do Carnaval, estamos passando dificuldade muito grande para colocar o Carnaval na rua. Quem se superou, se superou. Fica provado que não existe sacanagem no Carnaval. Para o ano que vem, vamos vir com tudo”.

Em 1956, a Beija-Flor ficou em 12º, mesma posição de 1964, quando acabou rebaixada. A escola de Nilópolis também caiu em 1960, com o sexto lugar na colocação geral.

Publicidade