Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
Centro Utilidade Pública

Prefeitura promove campanha “Nilópolis contra o Racismo”

RACISMO
Foto: Divulgação
Clique AQUI e receba, com exclusividade, as matérias da sua cidade em primeira mão no seu smartphone ou tablet.

Adicione nosso número de WhatsApp: +55 (21) 98946-3738 e envie uma mensagem com o texto "NILÓPOLIS" e receba, com exclusividade, as matérias da sua cidade em primeira mão no seu smartphone ou tablet.

Na última sexta-feira (22), a Prefeitura de Nilópolis, através da Secretaria de Cidadania e Direitos Humanos, por meio da Superintendência de Promoção da Igualdade Racial, promoveu a campanha “Nilópolis contra o Racismo”.

A campanha contou com ações no Calçadão da Avenida Mirandela e na Praça Prefeito Miguel Abrão. Nesses dois pontos do Centro, estudantes seguraram cartazes com frases racistas, de forma que a população pudesse refletir sobre o tanto que é prejudicial se valer destes tipos de ofensas. “Convocamos a população a fazer uma reflexão sobre atitudes que ainda acontecem no nosso dia-a-dia e que muitas das vezes não notamos, ou até mesmo aqueles que as praticam de forma intencional”, declarou Junnior Lima, organizador da campanha.

Este slideshow necessita de JavaScript.

O ato lembrou da resistência dos negros que marcharam na África do Sul, instituindo em 1969 o “Dia Internacional Contra a Discriminação Racial”. A data do “Massacre de Sharpeville” ganhou um novo significado e passou a ser utilizada em todo o mundo como instrumento de denúncia do racismo.

“Era visível que muitas daquelas pessoas que visualizaram as placas acabavam cometendo aquele ato falho sem maldade ou mesmo aquelas que nunca se valeram daqueles atos, acabaram lembrando de já terem ouvido pessoas falando aquelas frases. Acredito que nossa intenção de provocar a reflexão foi alcançada e tenho certeza que todas essas pessoas chegaram em casa e pararam para pensar”, concluiu Junnior Lima.

Participaram da campanha os alunos do Colégio Estadual Antônio Figueira de Almeida, integrantes da Corporação Banmafa, a nilopolitana e Miss Rio de Janeiro Top Word, Thamyres Machado e o acompanhamento da psicologa Márcia Coelho e da assistente social, Letícia Leite.

Publicidade