Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
Olinda Religiosos

Olinda recebe a encenação da Paixão de Cristo

PAIXÃO DE CRISTO
Foto: Divulgação
Adicione nosso número de WhatsApp: +55 (21) 98946-3738 e envie uma mensagem com o texto "NILÓPOLIS" e receba, com exclusividade, as matérias da sua cidade em primeira mão no seu smartphone ou tablet.

A Paixão de Cristo é uma das histórias mais conhecidas e revividas no planeta. Nas últimas décadas, tornou-se também uma das mais polêmicas. Um dos motivos são as versões cinematográficas que lançaram novos olhares sobre o episódio bíblico. Na origem de tudo isso está uma celebração católica que revive aqueles que teriam sido os últimos momentos da vida de Jesus. A paixão de Cristo faz parte da chamada Semana Santa, que concentra algumas das mais importantes datas do cristianismo, como o domingo de Ramos, a Sexta-Feira Santa, o sábado de Aleluia e o domingo de Páscoa.

A Cia. Os Encenadores Teatrais, que realiza a encenação dos últimos momentos da vida de Cristo há 12 anos, irá apresentar este emocionante capítulo da história cristã no próximo dia 19 de abril, às 17h . O palco será o pátio da Igreja da Santíssima Trindade, no bairro de Olinda.

Nesta versão da crucificação de Cristo baseada no Novo Testamento, Judas agiliza a queda de Jesus entregando-o a oficiais do Império Romano escolhidos a dedo. Para horror de sua mãe Maria, de Madalena e de seus discípulos, Jesus é condenado à morte.

O elenco é formado por atores da Baixada Fluminense e alguns poucos convidados que realizam todo o trabalho cênico de forma voluntária. “Neste projeto estão envolvidas cerca de setenta pessoas divididas entre elenco, produção e apoio, cujo objetivo principal é oferecer a população a vivência do evangelho, tendo como alvo todas as faixas etárias de público sem distinção de credo”, disse o coordenador Antônio Martins.

A Igreja da Santíssima Trindade fica na Rua Nilo Peçanha, 520, Olinda. A entrada é gratuita.

Publicidade