Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
Centro Geral

Maioridade: Moradores esperam há 18 anos por shopping no Centro de Nilópolis

PRÉDIO ABANDONADO
Obras foram paralisadas há 18 anos. Foto: Via Whatsapp
Clique AQUI e receba, com exclusividade, as matérias da sua cidade em primeira mão no seu smartphone ou tablet.

O sonho de poder comprar os mais variados artigos e de poder contar com entretenimento e gastronomia de qualidade perto de casa virou um grande pesadelo para os moradores e comerciantes do Centro de Nilópolis.

A grande edificação de 1.250,00 m² chama a atenção de quem passa pelo Calçadão da Avenida Mirandela, mas não por sua beleza mas sim pelo estado de abandono. Lançado em 2000, o empreendimento da construtora Colina Paulista teve a sua construção iniciada ainda no final daquele ano e a previsão era de que em dois anos, os nilopolitanos pudessem contar com um shopping no mesmo nível dos existentes no Rio.

A previsão era de que o empreendimento, inicialmente batizado de Shopping Nilópolis, reunisse 300 lojas, gerando pelo menos 1.500 empregos diretos e mais milhares de postos indiretos, além de enriquecer os cofres municipais e movimentar a economia local.  Estava prevista ainda a construção de uma universidade nos últimos andares do edifício, que teria ainda, cinema e praça de alimentação.

PRÉDIO ABANDONADO
Construção está abandonada à espera da decisão judicial. Foto: Via Whatsapp

O sonho porém deixou de se tornar realidade quando, com problemas financeiros, a empresa parou as obras definitivamente um ano após o seu início e o esqueleto do imóvel enfeia até hoje o Centro de Nilópolis e preocupa quem é obrigado a conviver com o problema. “É uma vergonha que isto esteja ai dessa forma, é preciso que a Justiça decida logo o que deve ser feito com o prédio, Nilópolis merece ter um shopping de verdade”, disse João Carlos, que reside há poucos metros do imóvel.

A construtora Colina Paulista S/A figura na lista de devedores da Fazenda Nacional e também junto ao Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). O valor é de R$ 377.669.332,75. Sua sede fica no Centro do Rio de Janeiro.

Prefeitura faz a sua parte

Enquanto a Justiça não faz a sua parte, a Prefeitura de Nilópolis vem realizando visitas constantes e eliminando riscos à saúde dos vizinhos, além de monitorar a estrutura de forma a não oferecer riscos aos pedestres que usam o Calçadão da Avenida Mirandela.

Publicidade