Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
Geral

Bolsonaro poderá indicar Juiz Nilopolitano para o STF

Juiz Federal Marcelo Bretas
Foto: Leo Martins/ Agência O Globo
Clique AQUI e receba, com exclusividade, as matérias da sua cidade em primeira mão no seu smartphone ou tablet.

O Juiz Federal Marcelo Bretas, responsável pela Lava Jato no Rio de Janeiro e, recentemente, pela prisão do ex-presidente Michel Temer, poderá ser a primeira indicação do Presidente Jair Bolsonaro para ocupar uma cadeira no Supremo Tribunal Federal.

A suspeita da indicação ocorreu na última sexta-feira (31), durante um culto da Assembleia de Deus Ministério Madureira, em Goiânia. Após o presidente declarar que está na hora do STF ter seu primeiro ministro evangélico.

Marcelo da Costa Bretas, 49 anos, é nascido em Nilópolis e formado em bacharel em Direito pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Tomou posse como Juiz Federal em 1997 e, desde então, já atuou em diversas cidades como Petrópolis, Três Rios e Volta Redonda.

Bretas é o juiz responsável pela 7ª Vara Criminal de Justiça Federal da cidade do Rio de Janeiro e foi quem conduziu a Operação Lava-Jato na cidade prendendo inclusive o ex-governador Sergio Cabral e o ex-presidente Michel Temer.

Suposta indicação criticada

Segundo juristas, o magistrado não teria uma boa imagem perante aos colegas de profissão, já que, o mesmo declara publicamente sua religião. O que faz com que criou uma fama de que o Juiz Federal julga baseado em sua religião, não somente pelas leis. O magistrado é conhecido por ser linha dura em suas decisões, o que chamou para um protagonismo, antes de Sérgio Moro.

Bretas e Moro

Conforme publicado no site O Antagonista, o ex-juiz federal e atual Ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro deve ocupar uma das duas vagas no STF. Porém, o ministro pretende concluir seu trabalho antes de retornar ao Judiciário. Surge então, a possibilidade de Bretas ocupar a vaga antes de Moro.

1 Comentário

Clique aqui para comentar

  • Bom dia, se possível a congregação da rua João Diez de Lima altura do n. 175 para fazer um recapeamento da rua, pois na saída da igreja estão com buracos e tem muitas irmãs com problemas nas pernas. Solicitamos só para tampar os buracos e passar com uma draga na beira da calçada Al lado, o qual sentimos medo de ter alguém escondido , pois o mato está muito alto. No próximo dia 26/06 começa a festividade da igreja e gostaríamos de estar com a frente da igreja arrumada para que não haja acidente. Grata. Silvana Rodrigues.

Publicidade