Nilópolis Online
Notícias de Nilópolis todo dia

Conheça o trabalho social que está acolhendo moradores de rua em Nilópolis

Receba as matérias da sua cidade em primeira mão no seu smartphone ou tablet. WhatsApp CLIQUE AQUI ou Telegram CLIQUE AQUI

Uma das características mais marcantes da desigualdade social nas cidades e regiões metropolitanas é a presença de pessoas que moram na rua. Culturalmente, a sociedade tende a tratá-los como pessoas invisíveis, que estão naquelas condições porque fizeram alguma coisa errada ou é viciado em drogas ou bebidas. Felizmente, nem todos pensam assim e esse é o caso do Pastor André Dantas.

Em fevereiro deste ano, foi divulgado o trabalho realizado pelo Instituto Cristo Vive na recuperação de dois ex-moradores de ruas, conhecidos dentro de Nilópolis, pelas péssimas condições em que eles tinham. Popularmente conhecido como “cheiroso de Nilópolis”, Roberto Correira Rodrigues e José Paulo Cardoso Abrandes tiveram uma transformação em suas vidas, deixando aquela vida de perigo e abandono. Para saber mais, basta clicar no link: Instituto Cristo Vive acolhe e resgata dignidade de moradores de rua em Nilópolis

Diante da repercussão, diversas pessoas passaram a ajudar o projeto e um grupo de jovens da Igreja Católica se disponibilizaram para ajudar a ONG. No último dia 19 de julho, o grupo Gotas de Misericórdia visitou os centros de recuperação e puderam conhecer o trabalho desenvolvido. Cerca de 600 jovens vindo de vários cantos do Brasil ficaram emocionados com o trabalho desenvolvido.

Com o propósito de resgatar a dignidade, a autoestima e a socialização de homens e mulheres que vivem em condições de vulnerabilidade, o Centro Comunitário Cristo Vive, presidido pelo pastor André Dantas Lopes, trabalha há 18 anos com dependentes químicos e moradores de rua. Porém tudo isso tem um custo, a instituição não tem qualquer tipo de ajuda do poder público.

Quem quiser ajudar com o trabalho pode estar levando sua doação diretamente na Rua Olga Hermont, 934, Centro, Nilópolis, ou fazendo sua doação através das contas bancárias: 0190/033/00005438-0 (Caixa Econômica Federal) ou Ag:6009 C.C 19982-6 (Banco Itaú).

“Estamos precisando prioritariamente de objetos para curativos, como ataduras, gazes, pomadas e rifocina em spray. Estes são os materiais que estamos usando com mais frequência por causa da ferida do Sr. Roberto, mas toda a ajuda é sempre bem-vinda”, concluiu a secretária Josilene.

você pode gostar também
Comentários
Carregando...