Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
Centro Geral

Casa da Mulher Nilopolitana prestigia lançamento de livros

CASA DA MULHER NILOPOLITANA
Foto: Divulgação
Clique AQUI e receba, com exclusividade, as matérias da sua cidade em primeira mão no seu smartphone ou tablet.

A equipe da Casa da Mulher Nilopolitana, sob a direção da subsecretária de Cidadania e Direitos Humanos, Profª Nilcéa Clara Cardoso, participou de dois importantes eventos de lançamento de livros em prol da defesa dos direitos da mulher.

No último dia 07 o Livro “Dororidades”, da autora Vilma Piedade, foi lançado no Centro Especializado de Atendimento à Mulher Chiquinha Gonzaga, localizado no Centro do Rio de Janeiro.

A obra dá ênfase ao neologismo “dororidade” em alusão ao termo sororidade. A nova nomenclatura se deu a partir das pesquisas da autora, por conta das inúmeros casos de Racismo, e em principal à mulher negra, o que se configura numa tipificação de violência racial através do preconceito. Aproveitando o aniversário dos 13 anos da Lei Maria da Penha, a autora também destacou casos em que o maior numero de violências doméstica e familiar acomete à mulher negra e pobre.

Este slideshow necessita de JavaScript.

“A literatura vem elucidar propostas de não aceitação de nomenclatura pejorativa à mulher e busca também enfatizar a superação da violência doméstica, do combate e prevenção da mesma, bem como disseminar políticas de suporte e apoio no enfrentamento à violência contra a mulher e gênero”, declarou a subsecretária.

Em seguida a comitiva se dirigiu para o Museu da Justiça do Estado do Rio de Janeiro, para o lançamento do Livro “Maria da Penha: 13 anos de Legislação”. Uma noite de autógrafos com a autora, Drª. Adriana, pela comemoração dos 13 anos da Lei Maria da Penha. O objetivo do evento foi analisar através desta literatura, os avanços e os desafios a serem encarados por este mal tão agravante em nossa sociedade que é a violência contra a mulher. Uma noite de muita troca de conhecimento que se encerrou com agradável buffet para os convidados.

Publicidade