Nilópolis Online
Notícias de Nilópolis todo dia

Com um a menos, Nova Cidade vence Barra da Tijuca

Receba as matérias da sua cidade em primeira mão no seu smartphone ou tablet. WhatsApp CLIQUE AQUI ou Telegram CLIQUE AQUI

Euforia, tensão e alívio. O Nova Cidade venceu o Barra da Tijuca neste sábado, 07, no Estádio Aniceto Moscoso, em Madureira, pela sétima rodada da Taça Corcovado. Após primeiro tempo pouco movimentado, o Quero-Quero da Baixada
chegou marcou seu tento no inicio da segunda etapa com Luam e, com isso, a equipe de
Nilópolis chegou aos 19 pontos, saltando para o 12º lugar na Classificação Geral.

O JOGO

A partida começou sem grandes momentos, o Nova Cidade marcou bem a equipe do Barra da Tijuca, não deixando que a equipe visitante criasse jogadas. A primeira chegada do Nova Cidade aconteceu em bola parada. Aos 24 minutos, Farney cruzou, o goleiro tirou a bola com soco, ela bateu no zagueiro Jean, que, no susto, quase marcou.

O Quero-Quero começou a trabalhar em passes rápidos até chegar a Napu. Aos 30, o volante levantou a cabeça e achou Léo Júnior entrando na área pela esquerda e o acionou. O camisa 7 chutou cruzado, mas o goleiro jogou para escanteio. Na cobrança, Jonatas cruzou e Jean, na primeira trave, finalizou de calcanhar, porém, a bola saiu pela linha de fundo.

A pressão continuou. Jonatas tabelou com Luam, tinha claras condições, mas chutou por cima. Já nos acréscimos, Léo Júnior tentou cruzar, a bola enganou o goleiro, que se esticou para defender.

Com uma proposta mais ofensiva, o técnico Gustavo Lima colocou o atacante Ricardo e o efeito foi imediato. Ricardo foi à linha de fundo, driblou o marcador e cruzou para área. O zagueiro tentou cortar, mas usou a mão e o pênalti foi
assinalado. Luam foi para cobrança, deslocou o goleiro e abriu o placar: 1 a 0.

Precisando do resultado, o Barra se lançou ao ataque logo após a parada técnica. Walney recebeu na área, bateu de primeira, mas a bola foi para fora. O cenário tranquilo mudou aos 29 minutos, quando Leandrinho tomou o segundo amarelo e foi expulso. Aos 36 minutos, a equipe da Zona Norte teve mais uma grande chance. Após cruzamento oriundo da direita, Jobinho
finalizou firme, mas para fora da direção do gol.

Nos minutos finais, o Nova Cidade soube se defender, não se arriscou ao ataque e, também, não correu risco: 1 a 0 e triunfo nilopolitano em Madureira. Na próxima rodada, a equipe do técnico Gustavo Lima enfrenta o Gonçalense, no Estádio
Joaquim Flores, em Nilópolis, às 15h da próxima quarta-feira.

Texto por Bruno Dias

você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Nós garantimos que está tudo certo com isso, mas você pode não desejar isso. Aceitar Saiba Mais