Centro Polícia Transportes

Vídeo mostra motorista agredindo agente de trânsito no Centro de Nilópolis

Clique aqui e receba, com exclusividade, as matérias da sua cidade em primeira mão no seu smartphone ou tablet.

Um motorista agrediu um agente de trânsito durante ação educativa no Centro de Nilópolis. O caso aconteceu na última quinta-feira (03) no cruzamento entre as ruas Getúlio Vargas e Antônio João de Mendonça, um dos principais do município. Um vídeo que circula nas redes sociais mostra a agressão. O agressor se identificou como policial.

A agressão teria ocorrido após o motorista de um automóvel sedã estar trafegando na contra-mão pela Rua Antônio João de Mendonça, no trecho entre as ruas João Pessoa e Getúlio Vargas. Ele teria se irritado com a abordagem do agente identificado como Pontes, que fazia uma operação de conscientização à respeito de irregularidades no local. “Nosso agente estava ali apenas para orientar sobre a mudança de sentido que aconteceu ali. Não estamos trabalhando com punição, apenas conscientizando sobre as mudanças e orientando os condutores”, disse o coordenador do 1º Grupamento Especializado de Trânsito – GET, agente Marques.

Ainda de acordo com o coordenador, não satisfeito em ser interpelado pelo agente de trânsito, o condutor teria iniciado uma discussão que resultou na agressão. “Tudo começou quando o condutor não teria gostado de ser abordado e iniciou uma discussão. Mesmo estando no sentido contrário da via, o nosso agente estava ali apenas para orientá-lo, já que mesmo estando sinalizado, muita gente ainda não se acostumou com a extinção da mão-dupla na Rua Antônio João Mendonça”, contou.

A discussão deixou de ser apenas uma troca de palavras quando o condutor, que teria se identificado como policial, saiu do seu veículo e os dois iniciaram uma briga. No vídeo é possível ver que eles rolam pela calçada da Rua Getúlio Vargas. A confusão só acabou após a intervenção de populares. O motorista fugiu.

Veja o vídeo:

O agente foi conduzido para a 57ª DP (Nilópolis) onde registrou a queixa por agressão. A Polícia Civil está tentando identificar o condutor.

“De forma recorrente, nossos agentes tem sido vítimas de campanhas difamatórias nas redes sociais, que evoluem para agressões físicas, onde o infrator considera sua ação – que infringe o Código de Trânsito Brasileiro – é correta e que o agente de mobilidade é o errado em aplicar a autuação. A sociedade deve compreender que só existe multa de trânsito por existir infratores e que esses infratores colocam em risco a vida de todos nós”, concluiu o coordenador do 1º Grupamento Especializado de Trânsito – GET, agente Marques.

Secretário grava vídeo

O secretário de Transportes, Amauri de Jesus postou um vídeo nas redes sociais onde reforçou a mudança de sentido de direção e aproveitou para mostrar imagens capturadas por câmeras de circuito interno que mostram um acidente no mesmo local onde houve a agressão.

No vídeo uma Kombi segue pela contramão até atingir um outro veículo na Rua Getúlio Vargas. Na colisão um dos automóveis capota. O acidente ocorreu no mesmo dia da agressão ao agente: