Nilópolis Online
Notícias de Nilópolis todo dia

Idosos são alvos de ação realizada em Nilópolis

Receba as matérias da sua cidade em primeira mão no seu smartphone ou tablet. WhatsApp CLIQUE AQUI ou Telegram CLIQUE AQUI

Fechando o mês em que se comemora o Dia Internacional do Idoso foi realizado, ontem, quinta-feira, dia 31, no Calçadão de Nilópolis, um evento com ações voltadas para a melhor idade. A Secretaria de Desenvolvimento Social, por meio da superintendência do Direito dos Idosos, organizou a atividade com diferentes tipos de serviços, atendendo a centenas de idosos que passaram pelo local.

Foram oferecidos a todos os seguintes serviços: aferição de pressão arterial e glicose, vacinas para a febre amarela, antitetânica e hepatite B além de encaminhamento para o Bolsa Família, por meio da secretaria de Desenvolvimento Social e atendimento social com a psicóloga Tarcylla Gabrielle.

A secretaria municipal de Saúde, através do programa Paismca, ofertou 50 vagas para mastologista, exames de mamografia e preventivo, além disso, ofereceu orientações sobre planejamento familiar e combate a sífilis. Outros programas também estiveram presentes, como tabagismo e controle de vetores.

Foram oferecidas também bolsas de estudos para a maturidade, com 40% para cursos graduação e, 70% para cursos livres, assim como orientações para beleza com maquiagem, depilação, manicure, pedicure, designer de sobrancelha e cabeleireiro. A OAB também esteve presente e prestou orientações sobre seus direitos e contra a violência a idosos.

ELIAS ALVES
O superintendente dos Direitos do Idoso, Elias Alves. Foto: Divulgação

 

O superintendente do Direito dos Idosos, Elias Alves, destacou que os serviços para a terceira idade permanecerão. “Estamos encerrando essa caminhada de atividades do mês de outubro, mas o trabalho continua. O nosso trabalho da superintendência é garantir a qualidade de vida e informações fundamentais de direitos para os idosos”, disse.

O município conta hoje com seis Centros de Referência de Assistência Social (Cras), que têm como objetivo o acompanhamento sócio assistencial de famílias em um determinado território, visando potencializar a família como referência, favorecer o fortalecimento dos vínculos familiares e comunitários, contribuir para o processo de emancipação social das famílias e atuar de forma preventiva, evitando que as famílias tenham seus direitos violados.

Está na lei 10.741/2003 que abandonar o idoso em hospitais, casas de saúde, entidades de longa permanência ou congêneres, ou não prover suas necessidades básicas, quando obrigado por lei ou mandado, poder dar até 3 anos de detenção. A Secretaria de Desenvolvimento Social atende na Rua Pedro Álvares Cabral, 305/térreo, centro. De segunda a sexta-feira, das 9h às 17h, é possível fazer reclamações e se orientar sobre os serviços destinados à melhor idade também pelo telefone: 3039-3629.

você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Nós garantimos que está tudo certo com isso, mas você pode não desejar isso. Aceitar Saiba Mais