Eleições

Eleitores de Nilópolis não são obrigados a fazer biometria neste ano

URNA ELETRÔNICA
Foto: Reprodução da Internet
Receba as matérias da sua cidade em primeira mão no seu smartphone ou tablet. WhatsApp CLIQUE AQUI ou pelo Telegram CLIQUE AQUI

Uma publicidade animada convoca os eleitores a realizarem o recadastramento junto ao Tribunal Regional Eleitoral, porém nas propagandas veiculadas nos principais meios de comunicação falta informar que nem todos os eleitores são obrigados a fazer o cadastramento biométrico obrigatório. É o caso dos que residem em Nilópolis.

A falta de clareza nas informações passadas nas propagandas tem provocado uma correria à Central de Atendimento do Eleitor – CAE de Nilópolis. E como o atendimento só é realizado após agendamento prévio no site https://www.tre-rj.jus.br/, nas redes sociais vários eleitores, sem saber da não-obrigação do cadastramento, reclamam que não conseguem fazer o agendamento.

Por se tratar de uma tecnologia que confere mais segurança à identificação do eleitor no momento da votação, confirmando a identidade de cada pessoa por meio das impressões digitais, armazenadas em um banco de dados e transferidas para as urnas eletrônicas, a coleta das digitais de todos os eleitores do Estado devem ser concluídas apenas após as eleições de 2020.

Aproveitamento de dados biométricos do Detran-RJ

Estão dispensados de realizar o procedimento os eleitores que tiveram a biometria validada nas urnas nas últimas eleições, graças à incorporação dos dados biométricos do Detran-RJ ao cadastro da Justiça Eleitoral. O mesmo vale para aqueles que já fizeram a coleta biométrica na Justiça Eleitoral.

No total, 3.422.705 eleitores, o que equivale a 27,4% do eleitorado do estado, tiveram a biometria validada em 2018. Essa medida representou uma economia estimada de R$ 14 milhões.

Municípios obrigatórios com prazo de biometria aberto:

Arraial do Cabo
Bom Jesus do Itabapoana
Carapebus
Cardoso Moreira
Comendador Levy Gasparian
Cordeiro
Duque de Caxias
Iguaba Grande
Italva
Itaocara
Laje do Muriaé
Macuco
Magé
Mendes
Miracema
Natividade
Porciúncula
Porto Real
Quatis
Quissamã
Rio Claro
Santa Maria Madalena
São Fidélis
São João de Meriti
São José do Vale do Rio Preto
Silva Jardim
Varre-Sai
Vassouras

A Justiça Eleitoral recomenda que todos os eleitores dos municípios listados na tabela acima façam o recadastramento biométrico, inclusive aqueles cujo voto é facultativo, como os menores de 18 anos, os maiores de 70 anos e os analfabetos. Quem deseja transferir seu título de eleitor para esse município, ou reside nele e queira tirar o título pela primeira vez, também deverá realizar o recadastramento biométrico.

No estado do Rio,  alguns municípios já concluíram a revisão biométrica: Armação dos Búzios (2009), Niterói (2013), São João da Barra (2017), Rio das Ostras (2017), Queimados (2018), São Sebastião do Alto (2018), Trajano de Moraes (2018), Carmo, Cambuci, Cantagalo, Eng. Paulo de Frontin, Conceição de Macabu, Sapucaia e Sumidouro (2019).

Orientações

Para fazer a biometria, o eleitor deve verificar se precisa agendar atendimento em sua zona eleitoral pelo site do TRE-RJ ou pela Central de Atendimento Telefônico: (21) 3436-9000.

No momento do atendimento, é preciso levar documento de identificação oficial com foto, comprovante de residência (até três meses de emissão) e o título de eleitor (caso possua).

Quem preferir pode comparecer diretamente à CAE da sede do Tribunal, que atende eleitores de todo estado por ordem de chegada. Esse posto fica na Av. Presidente Wilson, 198, Centro do Rio, e funciona de segunda a sexta-feira, das 11h às 17h.

Para mais informações acesse o site: https://www.tre-rj.jus.br/

Publicidade