Nilópolis Online
Notícias de Nilópolis todo dia

Publicidade

Coronavírus: Boato sobre casos em Nilópolis preocupa população

As autoridades alertam a população para a divulgação de fake news sobre supostos casos confirmados de coronavírus em Nilópolis. Mensagem de áudio compartilhada em grupos de Whatsapp dizia que a cidade teria diferentes casos confirmados da doença ainda não divulgadas pela mídia. Alguns deles, inclusive, estariam internados em estado grave. As informações são falsas.

Ouça abaixo o áudio:

De acordo com informações obtidas junto à Secretaria Municipal de Saúde, a UPA 24JK não possui nenhum paciente internado com diagnóstico confirmado de coronavírus. Portanto trata-se de mais uma notícia falsa (fake news), criada com o objetivo de alarmar a população.

Outra notícia falsa seria a de que uma mulher teria buscado atendimento em um unidade hospitalar privada no Centro de Nilópolis e que a mesma teria sido diagnosticada com COVID-19 e ainda que ela estaria em quarentena. Essa mesma notícia foi divulgada por inúmeras páginas no Facebook e compartilhada por diversas pessoas.

Coronavírus: Boato sobre casos em Nilópolis preocupa população 1
A mensagem que foi replicada em diversas páginas e perfis no Facebook.

 

 

Sobre este caso, apuramos junto à Secretaria Municipal de Saúde que uma paciente teria procurado atendimento nesta unidade, alegando gripe. Porém exames foram feitos e a paciente foi avaliada e descartada a suspeita de COVID-19.

Conforme alerta a médica infectologista, Zamara Brandão, antes de avaliar se uma informação procede ou se trata de um mito, é importante não só manter a calma, mas entender o que é um coronavírus. “Eles são uma grande família de vírus encontrados em animais (como morcegos) e humanos. Sete desses vírus atravessam a barreira interespécie, infectando as pessoas, e podem causar doenças, cujas gravidades são variáveis”.

Zamara explica que o Covid-19 é uma nova cepa do coronavírus que não havia sido previamente identificada em seres humanos. “Ele faz parte de um grupo de doenças respiratórias que provocam sintomas semelhantes à gripe. A pessoa pode ter febre, tosse persistente, dor de garganta, espirrar, ficar com o nariz congestionado e apresentar diarreia. Algo semelhante ao H1N1. Seu diagnóstico é difícil e é feito por meio de exames laboratoriais”.

Combate às Fake News

Para combater as Fake News sobre saúde, o Ministério da Saúde, de forma inovadora, está disponibilizando um número de WhatsApp para envio de mensagens da população. Vale destacar que o canal não será um SAC ou tira dúvidas dos usuários, mas um espaço exclusivo para receber informações virais, que serão apuradas pelas áreas técnicas e respondidas oficialmente se são verdade ou mentira.

Qualquer cidadão poderá enviar gratuitamente mensagens com imagens ou textos que tenha recebido nas redes sociais para confirmar se a informação procede, antes de continuar compartilhando. O número é (61)99289-4640

você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Nós garantimos que está tudo certo com isso, mas você pode não desejar isso. Aceitar Saiba Mais

%d blogueiros gostam disto: