Nilópolis Online
Notícias de Nilópolis todo dia

Coronavírus: Nilópolis cria polo de atendimento para receber casos suspeitos

Receba as matérias da sua cidade em primeira mão no seu smartphone ou tablet. WhatsApp CLIQUE AQUI ou Telegram CLIQUE AQUI

A Prefeitura de Nilópolis criou um Polo de Atendimento para receber casos suspeitos de Coronavírus (Covid-19). Os dois contêineres instalados na Rua Zezinho, em frente à Unidade de Pronto Atendimento (UPA 24h), no Centro, foram adaptados e transformados em consultórios. Um deles é específico para pediatria e outro para demais pacientes, ambos são equipados com balança, termômetro infravermelho, medidor de pressão, oxímetro, álcool gel e um leito.

A recomendação é para que pessoas com sintomas leves optem por ficar em casa. Considera-se pessoa com sintomas a apresentação de tosse seca, dor de garganta ou dificuldade respiratória, acompanhada ou não de febre. No Polo de Atendimento, estes pacientes serão triados, atendidos e, havendo a necessidade, serão encaminhados para a UPA 24h.

O atendimento da unidade será feito 24h por dia.

Recomendações

Para contenção da transmissibilidade do Covid-19, deverá ser adotada como medida não-farmacológica, o isolamento domiciliar da pessoa com sintomas respiratórios e das pessoas que residam no mesmo endereço, ainda que estejam assintomáticos, devendo permanecer em isolamento pelo período máximo de 14  dias.

Todo paciente sintomático respiratório, ou seja, que apresenta sintomas, é obrigado a manter isolamento domiciliar por 14 dias.

Medidas básicas de higiene protegem você e sua família: lavar as mãos frequentemente,medidas de etiqueta respiratória ( como não tossir, espirrar próximo a outras pessoas), evite contato muito próximo com as pessoas, lembrando que assintomáticos também podem transmitir COVID-19.

Apenas procure os serviços de saúde se realmente precisar. Lembrem-se que ao se deslocar sem necessidade para uma unidade de saúde/ hospital você e sua família correm risco de contaminação pelo vírus.

Com atendimento 24 horas, as unidades receberão os pacientes que apresentem sintomas gripais e que sejam suspeitos de estarem com o COVID-19.

Um óbito

Por enquanto Nilópolis registra apenas um óbito. Uma senhora, de 81 anos, moradora do Centro, que foi socorrida no dia 20 em uma clínica particular no Rio de Janeiro, sendo transferida para o Instituto Nacional de Infectologia da Fundação Oswaldo Cruz, onde morreu no dia 25. Apesar de residir no município, o óbito foi computado como sendo do município do Rio de Janeiro.

você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Nós garantimos que está tudo certo com isso, mas você pode não desejar isso. Aceitar Saiba Mais