Nilópolis Online
Notícias de Nilópolis todo dia

Nilópolis inicia 3ª etapa de Vacinação contra gripe nesta segunda (11)

Receba as matérias da sua cidade em primeira mão no seu smartphone ou tablet. WhatsApp CLIQUE AQUI ou Telegram CLIQUE AQUI

A Prefeitura de Nilópolis deu início a 3ª etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe. Iniciando nesta segunda-feira (11), todas as unidades básicas de saúde estão aplicando a vacina. Com a ampliação do público-alvo, grupos prioritários que até então não podiam se vacinar agora poderão procurar os postos de saúde.

Até 17 de maio, a campanha está focada em crianças de seis meses a menores de seis anos, pessoas com deficiência, gestantes e puérperas (mulheres no período de até 45 dias após o parto). Pessoas incluídas nos primeiros grupos prioritários podem seguir se vacinando.

Do dia 11 ao 17 de maio, só poderão buscar sua dose:

  • Crianças de 6 meses a menores de 5 anos
  • Gestantes
  • Puérperas (mães até o 45º dia do pós-parto)

Do dia 18 de maio até o fim da campanha de vacinação contra a gripe, são incluídos no calendário:

  • Professores
  • Pessoas entre 55 e 59 anos (foi o primeiro ano que esse pessoal entrou na campanha)

A partir do dia 18, podem se vacinar também os adultos de 55 a 59 anos e os professores das escolas públicas e privadas. A campanha está prevista para ser encerrada no dia 5 de junho.

Postos de vacinação

  • Posto Manoel Reis – rua Antônio João Mendonça, s/nº.
  • Posto Paiol – Rua José Couto Guimarães, nº – 1299.
  • Posto Cabral – Rua Roldão Gonçalves, s/n.
  • Posto Frigorífico – Rua Dr. Rufino Gonçalves Ferreira, s/n.
  • Posto Olinda II – Rua Pedro Roque, s/n.
  • Posto Central – Rua João Pessoa, nº – 1530.
  • Posto Nova Cidade – Rua Mal. Deodoro, nº – 555.
  • Posto do Cabuís – Rua General Mena Barreto, s/nº.
  • Complexo de Saúde Dr. Jorge David – rua Senador Fernando Mendes, s/n.

Importante

A vacina da gripe não protege contra coronavírus, mas é ainda mais importante no momento em que o país passa por uma pandemia. Além de facilitar diagnósticos, a vacinação previne uma coinfecção (quando o paciente contrai as duas doenças ao mesmo tempo) e ajuda a prevenir a sobrecarga do sistema de saúde.

você pode gostar também
Comentários
Carregando...