Nilópolis Online
Notícias de Nilópolis todo dia

Governo do Estado anuncia concurso público para o magistério

Receba as matérias da sua cidade em primeira mão no seu smartphone ou tablet. WhatsApp CLIQUE AQUI ou Telegram CLIQUE AQUI

PÁGINA INICIAL > IMPRENSA > NOTÍCIAS

Governo do Estado anuncia concurso público para o magistério

18 de janeiro de 2021

 

O governador em exercício Cláudio Castro e o secretário de Estado de Educação, Comte Bittencourt, anunciaram a realização de concurso público do magistério para 500 vagas para o cargo de Professor Docente I, com carga horária de 16h semanais. Até março, será lançado o edital para o concurso público do magistério – cargo de Professor Docente I – com carga horária de 16h semanais. Serão disponibilizadas, inicialmente, 500 vagas para preenchimento imediato de cargos em vacância, com impacto financeiro de R$ 10,3 milhões anuais aos cofres estaduais. Outras 3.500 vagas serão destinadas para cadastro de reserva.

 

Esses profissionais deverão assumir as turmas no segundo semestre deste ano, em locais e disciplinas onde houver carência de profissionais, ou ainda, em substituição às vagas decorrentes de horas-extras, que são as GLPs (Gratificações por Lotação Prioritária).

 

O reajuste do auxílio-alimentação passará por mudanças a partir de 01 de fevereiro. O valor será readequado com base o IPCA (2013-2020) de forma proporcional à carga horária semanal de trabalho do servidor. Hoje, todos os profissionais ganham R$ 160,00 e, com a nova regra, poderão receber de R$ 239,52 (16h semanais) a R$ 598,90 (40h semanais). Para esse incremento, o impacto anual será de cerca de R$ 96 milhões. Na lista de prioridades do Governo do Estado consta ainda a regularização do enquadramento por formação de 2.431 servidores, com direito ao benefício nos anos de 2019 e 2020. A autorização será publicada no Diário Oficial desta sexta-feira (15/01). O montante investido será de quase R$ 10 milhões.

 

– A educação foi um dos grandes desafios durante esse tempo de pandemia. A boa gestão dos recursos, mesmo com o Regime de Recuperação Fiscal, permitiu que fizéssemos esses investimentos, atendendo servidores, professores e alunos – disse o governador em exercício, Cláudio Castro.

  

Investimento em tecnologia

 

Para melhorar a tecnologia e a conectividade nas unidades escolares estaduais, a Secretaria de Estado de Educação (Seeduc) atendeu a uma antiga reivindicação dos diretores e vai descentralizar recursos para a contratação de serviços de internet. Além disso, a pasta está adquirindo um link patrocinado, para que, a partir de março, com o início das aulas, os alunos tenham acesso gratuito a todos os conteúdos oferecidos de forma online. Professores da rede junto com as equipes pedagógicas da pasta já estão produzindo videoaulas, podcasts e material em PDF para disponibilizar em plataforma própria.

 

– O Rio de Janeiro inicia em março um novo ciclo de tecnologia. Cem por cento das escolas estaduais terão até o meio do ano o seu parque tecnológico todo renovado e com uma nova concepção, nós vamos sair do conceito de sala de informática para um ambiente multimídia, com wi-fi, atendendo a todas as necessidades dos estudantes – destacou o secretário de Educação, Comte Bittencourt.

 

O secretário explicou ainda que as escolas terão a sensibilidade de avaliar cada aluno e dos déficits causados pela pandemia.

 

– O ano letivo começa em 8 de fevereiro. Durante o mês faremos avaliações individuais para entender o déficit educacional que surgiram durante a pandemia. Em março receberemos os alunos de vulnerabilidade social. Nossas escolas estão preparadas para o retorno às aulas. Vamos usar um horário alternativo, procurando evitar aglomerações no transporte público – comentou. 

 

Proviaeb

 

Com o objetivo de estreitar a parceria com as prefeituras e auxiliar na melhoria dos resultados educacionais, a secretaria criou o Programa de Valorização e Incentivo ao Aprimoramento da Educação Básica (Proviaeb). Neste ano, 17 municípios, que obtiveram índices acima de 4,8 no Ideb, receberão aporte de R$ 1 milhão cada para investimento na educação básica.

você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Nós garantimos que está tudo certo com isso, mas você pode não desejar isso. Aceitar Saiba Mais

%d blogueiros gostam disto: