Nilópolis Online
Notícias de Nilópolis todo dia

Prefeito de Nilópolis participa de reunião com o governador e demais prefeitos da Baixada Fluminense

A Baixada Fluminense recebeu, nesta terça-feira (2), o primeiro dia do Programa Governo Presente. Até sábado (6), o governador em exercício do estado do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, irá percorrer os 13 municípios da região para estreitar relações com os governantes municipais e conhecer melhor a realidade e necessidades locais. O primeiro dia de encontro foi marcado pela assinatura do memorando de entendimento do Projeto Arco Seguro, que tem o objetivo de elevar o nível de segurança do Arco Metropolitano e, com isso, auxiliar no desenvolvimento da região. Esta é uma parceria público-privada que envolve a Firjan, o Cirj, a Alerj e o Governo do Estado.

O evento foi realizado na sede da Firjan, em Nova Iguaçu, e contou com a presença dos prefeitos dos municípios da Baixada Fluminense. Chefe do Executivo de Nilópolis, Abraão David Neto comemorou o acordo pelo Arco Seguro, que será um atrativo para que mais empresas venham para a Baixada e aproveitou a oportunidade para solicitar melhorias para o município.

“O Arco Seguro será uma saída para o grande desemprego que não somente nós, mas todo o país está atravessando e que foi acentuado ainda mais por conta da pandemia”, disse Abraão e completou sua fala solicitando ajuda para continuar a construção de uma nova Unidade de Pronto Atendimento – UPA e da obra no Hospital e Maternidade JK. “Hoje tenho a obra do Hospital JK para continuar, mas a UPA está funcionando no térreo deste hospital e queremos concluir essa obra e devolver o sonho do nilopolitano de ter de volta o Hospital e Maternidade JK. Gostaria de pedir a Vossa Excelência que ajude nossa cidade”, concluiu o prefeito.

Cláudio Castro se dispôs a debater os temas sugeridos pelos prefeitos presentes ao encontro e disse que o Rio de Janeiro necessita de grandes servidores e pessoas vocacionadas a olhar mais para o povo. O governador em exercício também falou sobre a pandemia e a campanha de vacinação contra a Covid-19 e lembrou que as aeronaves do estado estão à disposição para a distribuição das vacinas, como tem acontecido a cada vez que o Rio de Janeiro recebe doses do Governo Federal e as distribui aos municípios.

“Não vamos privilegiar a capital em detrimento dos lugares mais afastados. Esta não é uma disputa política, mas sim pela vida, pela saúde”, disse o governador em exercício.

você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Nós garantimos que está tudo certo com isso, mas você pode não desejar isso. Aceitar Saiba Mais

%d blogueiros gostam disto: