Nilópolis Online
Notícias de Nilópolis todo dia

Aulas do curso gratuito de trancista são iniciadas em Nilópolis

Trança nagô, rasteira, raiz, agarradinha e de carreirinha. Esses tipos de tranças estão fazendo a cabeça das mulheres nilopolitanas. E a procura cada vez maior motivou a Secretaria Municipal de Trabalho, Emprego e Desenvolvimento Econômico a aumentar o número de vagas a cada vez que oferece o curso mensalmente.

Para reforçar as aulas, ele chamou as professoras Cristiane Ferreira e Suzy Ribeiro. Elas dividiram as alunas em duas salas, para evitar aglomeração, e poder ensinar as estudantes como criar tranças em cabeças de bonecas com cabelos artificiais presas em carteiras. A modelo e atriz Rany Natasha, 18 anos, nascida na cidade, é sempre chamada por Cristiane Ferreira para ser seu modelo vivo.

“Ela se apresenta bonita nos eventos e me ajuda quando preciso de modelo para cabelos”, salientou Cristiane, que contou às alunas que, na época da escravidão, as mulheres escondiam grãos de arroz nas tranças para se alimentar e dar de comer aos familiares. “Daí surgiu a trança nagô”, explicou diante do olhar atento da turma.

Marialva de Mendonça, 56 anos, está desempregada e assistia às aulas com a filha Maria Flávia de Mendonça, 17 anos.

“Estou buscando um novo trabalho e ela quer aprender algo”, afirmou.

Para quem não conseguiu se matricular nesta turma, o secretário Eduardo Amorim confirmou que pretende abrir novas turmas ainda neste ano:

“Esse é um dos cursos mais procurados e por isso pretendemos abrir novas turmas em novembro, mas peço que os interessados aguardem a confirmação, quando informaremos as datas corretas para as inscrições.

você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Nós garantimos que está tudo certo com isso, mas você pode não desejar isso. Aceitar Saiba Mais

%d blogueiros gostam disto: