Nilópolis Online
Notícias de Nilópolis todo dia

Servidores da Prefeitura de Nilópolis participam de capacitação no Programa Auxílio Brasil

Com a migração do Bolsa Família para o Auxílio Brasil (PAB), as funcionárias do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) e do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) participaram da capacitação com a diretora Marli Kleim na manhã desta sexta-feira (19), na Clube da Terceira Idade Professora Yvone Nunes Lima.

O Bolsa Família dá lugar ao Auxílio Brasil para famílias que recebem, por pessoa, até R$200,00 por mês. O PAB é um programa de transferência direta de renda com condicionalidades para famílias pobres e extremamente pobres. Os tipos e os valores que cada família recebe são baseados no perfil registrado no Cadastro Único.

Entre as informações consideradas nesse perfil familiar são: a renda mensal per capita (por pessoa), o número de integrantes, o total de crianças e adolescentes de até 17 anos, além da existência de gestantes e nutrizes (mães que estão amamentando).

Quem já estava inscrito no Bolsa Família não precisa ir a um CRAS: a migração para o novo benefício é feita automaticamente. Já quem recebia o Auxílio Emergencial não necessariamente entrou na base do Auxílio Brasil, pois precisa atender a alguns critérios, como a renda da família. Famílias devem atualizar os dados do CadÚnico a cada dois anos. Para isso, é necessário ir ao CRAS mais próximo.

Os três benefícios básicos são:

Benefício Primeira Infância – R$ 130,00 para cada criança de zero a três anos incompletos.

Benefício Composição Familiar – R$ 65,00 para cada pessoa da família com idade entre três e 21 anos que esteja matriculada na educação básica e gestantes.

Benefício de Superação da Extrema Pobreza – Quando a renda não chega a R$ 100,00 por cada pessoa da família, mesmo recebendo outros benefícios.

Como será o pagamento?

Os cartões e senhas utilizados para saque do Bolsa Família continuarão válidos e poderão ser utilizados para o recebimento do Auxílio Brasil. A Caixa informou ainda que os canais para saque dos benefícios e consulta de informações permanecem os mesmos: aplicativo Caixa TEM, terminais de autoatendimento, lotéricas, correspondentes Caixa Aqui. Também foi lançado um aplicativo chamado Auxílio Brasil, que substitui o aplicativo Bolsa Família.

Fonte: Coordenadoria de Comunicação / PMN
você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Nós garantimos que está tudo certo com isso, mas você pode não desejar isso. Aceitar Saiba Mais

%d blogueiros gostam disto: